PSICOPEDAGOGIA
A Prevenção e O Tratamento das Dificuldades de Desempenho na Escola e No Trabalho

Filosofia
  Fundamentação


Fundamentação Teórica

A PREVENÇÃO E O TRATAMENTO DAS DIFICULDADES DE DESEMPENHO NA ESCOLA E NO TRABALHO

PARA CRIANÇAS, ADOLESCENTES, ADULTOS [profissionais ou não]

Através de acompanhamento psicopedagógico individualizado procuramos reconstruir a auto-estima; favorecemos a reestruturação da capacidade de aprendizagem ao mesmo tempo em que elaboramos -junto com o aprendente, seus familiares e sociedade - condutas preventivas para a continuidade da autonomia pessoal.

O enfoque é a PSICOPEDAGOGIA PREVENTIVA, através da qual percebe-se e trabalha-se as dificuldades de aprendizagem antes que as mesmas transformem-se em defasagens de aprendizagem.

A psicopedagogia nos oferece a união de duas ciências - PSICOLOGIA e PEDAGOGIA - que auxilia nosso trabalho didático, principalmente na prevenção de lacunas de construção do arcabouço emocional de indivíduos em fase infantil e a reestruturar a trajetória de indivíduos não infantis que apresentem alguma falha histórico-pessoal.

Fazendo um paralelo com uma situação real, podemos comparar a subjetividade do ser humano com a terra. Um solo pode parecer favorável ao plantio, com um tom de marron saudável, que inspire a confiança ao agricultor/jardineiro, mas, talvez, se este solo passasse por uma análise de fertilidade, por exemplo, o resultado poderia ser frustrante. Nem o agricultor nem o jardineiro querem desistir. Então, resta-lhes a opção de cuidar deste solo com atitudes apropriadas, no tempo adequado e fazendo avaliações sucessivas para ter a certeza de que sua conduta está surtindo algum efeito. Efeito este que não precisa ser moldado com rigidez, mas que atenda as necessidades futuras de plantio. Esta é uma atitude preventiva que não deixa perder as sementes cultivadas.

Se algum agricultor desavisado lançou sementes ao solo infértil, ele ainda poderá retomar o processo aproveitando o que de bom o solo deixou naquelas sementes. E aí, refazer o seu cultivo.

A Intervenção Psicopedagógica

A qualquer tempo do processo de educação, a psicopedagogia oferece diagnósticos exclusivos das dificuldades apresentadas pelos aprendentes, que permitem evitar, através da reorganização de condutas, tratamentos longos e dispendiosos. Os acompanhamentos psicopedagógicos individualizados são promovidos para aglutinar as ações terapêuticas e preventivas Ações terapêuticas - atuação sobre as dificuldades atuais; ações preventivas - construir junto com os indivíduos e seus meios culturais - FAMÍLIA - ESCOLA - EMPRESA - as estratégias que evitem novas dificuldades e defasagens.

Educação & Conhecimento

Investir no conhecimento é promover o desenvolvimento da sociedade, prevenir os males sociais violência, marginalidade derivadas da ausência de perspectivas, estabelecer a convivência com regras e limites, fazer aflorar nos indivíduos a auto estima e dignidade.

Com o embasamento na TEORIA CONSTRUTIVISTA possibilita-se ao indivíduo aguçar o seu senso de observação e criatividade para “extrair do nada alguma coisa”, cuja utilidade passe a intergrar o seu ROL DE SOLUÇÕES. Simultaneamente, observar, agir e transformar resgata a capacidade de rir e brincar, tão necessárias ao bem estar físico, emocional e intelectual, com reflexos imediatos na sua atuação no meio cultural.

Relacionados com: Izolda Lopes


Envie seus comentários www.psicopedagogia.construtivismo.com.br